.ultimas baldadas

. E esta hein?!? Nem sei se...

.baldes antigos

. Dezembro 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Agosto 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Agosto 2008

.tags

. 2009

. 2010

. acordo ortográfico

. actualidade

. açúcar

. algarve

. alunos

. aniversario

. ano novo

. arcachon

. arquitectos

. arvore

. automoveis

. avatar

. bacalhau

. bancos

. beleza

. bicicleta

. blog

. brisa

. brisingr

. btt

. burgos

. cabos

. calças de ganga

. cão

. caricato

. carinhos

. carnaval

. casa

. cavaco silva

. cerveja

. cheiro

. chuva

. cinema

. combustiveis

. comida

. condução

. cortes salariais

. cozinha

. crise

. crueldade

. cultura

. decisão

. destaque

. dieta

. doutores

. economia

. edp

. educação

. ego

. elixir bucal

. engenharia

. enqudramente

. ensino

. escola

. europa

. europeias

. familia

. feira do livro

. férias

. festas

. filme

. final feliz

. foto

. funcionarios publicos

. furadouro

. gadjet

. galp

. global

. greve

. halloween

. ice age

. impostos

. indignação

. informatica

. inicio

. leituras

. lourdes

. manifestação

. natal

. neve

. noruega

. obras

. omoleta

. orgulho

. país

. patriotismo

. politica

. portugal

. presente

. professores

. re-inicio

. salário

. salario minimo

. sociedade

. sortudo

. telemovel

. varicela

. verão

. todas as tags

Segunda-feira, 9 de Março de 2009
E esta hein?!? Nem sei se me acredite!

Deambulava eu pela internet quando dei de caras com a seguinte noticia:

 

"Após um dia de pescaria nas imediações de uma praia da costa oeste da Inglaterra, Glen Kerley abriu a barriga dos peixes, como sempre faz antes de os levar para o mercado, e, para sua surpresa, encontrou um telemóvel Nokia dentro de um bacalhau.

O aparelho ainda funcionava e tinha até boa carga de bateria, então o pescador deixou-o ligado, até que alguém telefonou, com o objectivo de contactar aquele que se veio a provar que era o proprietátio do telefone, Andrew Cheatle. Kerley anotou os dados de Cheatle e entrou em contacto, devolvendo o objecto.

Depois do encontro dos dois homens, registado pela imprensa britânica, Cheatle explicou que tinha deixado cair o telemóvel, que foi levado pelas ondas, quando passeava o seu cão, na praia, nunca esperando reencontrar o aparelho e «muito menos ainda a funcionar normalmente».

Apesar de passar uma semana submerso no oceano, o telemóvel esteve sempre ligado e Andrew pôde até consultar as chamadas perdidas enquanto o aparelho esteve na barriga do peixe, o que indica que o telefone tocou várias vezes dentro do bacalhau."   in Diário Digital.

 

Por acaso o meu telemóvel até é Nokia, e a noticia, de inicio, até nem me surpreendeu, pois só assim se compreende que, mesmo com a pancada que tem levado nos quatro anos de vida, o estupor do telemóvel continue ai para as curvas... Agora, será que a barriga do bacalhau  é seca? De que outra forma se explica o aparelho, que é eléctrico, não ter entrado em curto-circuito?!? Cheira-me a golpe publicitário da Nokia...

 

Ei de experimentar meter o meu "bicho" na água a ver se funciona! Se não funcionar, Sr's da Nokia, têm ai uns modelitos topo de gama que são mesmo à minha maneira!

 

 

sinto-me: Tentado a experimentar...
chapado por O homem das obras às 19:53
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
.O Homem das Obras
.pesquisar
 
.Dezembro 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
.subscrever feeds
.Onde vou chapar massa
Nos intas
Sopros de Mar
O pequeno grande viking
Pensamento Aberto
Sem Fru-Frus nem Gaitinhas
Kulcinskaia
Por cá...
Diário de uma dona de casa à beira de um colapso...
Ver para Crer!
Pronúncia do Norte